fbpx
Grupo QG

BLOG

Sejam bem vindos ao blog do Instituto Grupo QG, aqui
você fica sempre atualizado sobre nossas novidades.

Diferença entre margem de lucro e markup?


lucro e markup

Entenda a diferença entre margem de lucro e markup

Os conceitos de Markup e Margem de Lucro são muito importantes para qualquer empresa e a confusão entre eles pode levar o empreendedor a cometer erros em inúmeras situações, que vão desde a formação de preços até a escolha do regime tributário. Por isso, é muito importante entender cada um desses conceitos e saber diferenciá-los. 

Ainda, ter conhecimento sobre eles é essencial para o sucesso básico de um negócio. As empresas vêm percebendo a importância de se fazer uma gestão apropriada e consciente, sendo este um grande diferencial competitivo, pois, infelizmente, essa realidade não é a realidade de muitas organizações, especialmente no Brasil. 

Nesse sentido, hoje vamos te ajudar a preparar uma gestão para o seu negócio ainda mais eficiente, discorrendo um pouco mais sobre os conceitos de margem de lucro e markup e como eles podem ser aplicados no cotidiano da sua empresa, para te ajudar a alavancar cada vez mais seu sucesso.

O que é margem de lucro?

Margem de lucro é um indicador de lucratividade do seu negócio. Ela pode ser calculada enquanto margem de lucro líquida ou margem de lucro bruta. 

A margem de lucro líquida é calculada através da seguinte fórmula: 

Margem líquida = Receitas líquidas – (Custos + Despesas) x 100 Receitas líquida

Já a margem de lucro bruto é calculada a partir da fórmula abaixo:

Margem líquida = Receitas líquidas – Custos operacionais x 100 Receitas líquida

Mas o que cada uma delas quer dizer sobre a empresa? Bom, vamos supor que após realizar o cálculo da margem de lucro líquida do seu negócio você chegou no percentual de 40% de margem líquida. Isso quer dizer que a cada R$100,00 que a sua empresa vende, o lucro que ela vai ter será de R$40,00.  

A margem de lucro bruta considera apenas os custos operacionais que será, por exemplo, o caso de empresas que compram produtos para revender. Nesse sentido, a interpretação do percentual da margem bruta será a mesma da margem líquida.

O que é markup?

Markup é um cálculo que envolve algumas variáveis e vai ajudar no momento de precificação do seu produto ou serviço. Esse cálculo é baseado na ideia de “preço de margem” que é o somatório dos custos de um produto ou serviço unitário, incluindo as despesas operacionais, a uma margem de lucro desejada. Mas como que se calcula o markup?

Para fazer o cálculo do markup é necessário saber os custos fixos e variáveis que envolvem a produção de seu produto ou da prestação de serviços. Nesse sentido, é importante que você considere as despesas fixas, as despesas variáveis, a margem de lucro pretendida e o custo direto. Vamos discorrer um pouco sobre cada um desses itens a seguir, veja:

  • Despesas fixas (DF)

Aqui você deve considerar todos os custos que ocorrem todo mês para que você se mantenha em funcionamento, por exemplo: custos de aluguel, energia, água, folha de pagamento, telefone, despesas administrativas, entre outros.

  • Despesas variáveis (DV)

As despesas variáveis são aquelas que vão ocorrer quando se realizar uma venda, como, por exemplo, os impostos e comissões que vão recair sobre o valor da transação.

  • Margem de lucro pretendida (LP)

A margem de lucro pretendida é a porcentagem que se desejava ganhar com a venda de um único produto ou de um único serviço. Nesse caso, você pode adotar uma única margem de lucro para os diversos produtos ou serviços que coloca no mercado, ou você pode estrategicamente definir uma margem de lucro desejada para cada variedade de produto ou serviço que a sua empresa oferece, isso pode ser um caminho para ter maior competitividade de preços no mercado.

  • Custo direto (CD)

O custo direto faz referência aos valores despendidos com fornecedores, para a obtenção de matéria-prima para produção do seu produto. No caso dos serviços, geralmente não há que se falar em fornecedores. 

Após conhecer esses conceitos você já pode calcular o seu markup através da seguinte fórmula: MARKUP = 100/[100 – (DV + DF + LP)], sendo que esses índices são percentuais. 

E para precificar o valor final do seu produto ou serviço basta multiplicar pelo valor que você gastou na produção ou na prestação de serviço pelo índice do markup.

Para ficar mais claro vamos trabalhar com uma situação hipotética. Suponhamos que o percentual das despesas variáveis seja de 10%, as despesas fixas sejam de 6% e a margem de lucro pretendida é de 20%. Nesse caso, o cálculo do markup será de 100/100 – (10 + 6 + 20), que resultará em 1,5625. Considere que o custo para a produção do seu produto foi de R$200,00. Assim, o valor de venda do seu produto será R$200,00 multiplicado por 1,5625 que será o valor de R$312,50.

As diferenças entre margem de lucro e markup

Agora que você já viu os conceitos de margem de lucro e de markup, você consegue fazer a diferenciação entre eles? Se ainda não conseguiu enxergar essas diferenças, não se preocupe, vamos elencar agora quais são os pontos principais que diferenciam margem de lucro e markup!

  1. O markup é um cálculo que auxilia na precificação dos produtos ou serviços que você coloca no mercado para serem vendidos.
  2. O markup, ainda, considera uma margem de lucro desejável por cada produto ou serviço vendido. Esse índice é o que se espera de lucro por unidade de produto ou serviço. 
  3. A margem de lucro vai trazer a porcentagem real de lucratividade do seu negócio, considerando todas as receitas líquidas, todos os custos e todas as despesas.

Esses pontos são as diferenças básicas que você deve ter em mente sobre esses dois conceitos.

Os problemas que a confusão entre os dois conceitos pode causar

É essencial estar atento para a diferença entre margem de lucro e markup para não se afundar em ideias irreais de como a saúde financeira do seu negócio anda. Nesse sentido, o cálculo do markup é bastante preciso, mas não projeta de fato a lucratividade de um negócio, em razão de considerar um lucro pretendido por unidade de produto ou serviço, que é determinado pelo próprio empresário.

Apesar de o cálculo do markup ser importante para a precificação, como já vimos anteriormente, ele não é tão relevante quando se trata de avaliar a saúde financeira da sua empresa. Os índices percentuais de lucro líquido e de lucro bruto é que serão capazes de traduzir como anda a viabilidade do seu negócio, nos termos em que se encontra. Isso se deve ao fato de nesse cálculo considerar o regime tributário que a sua empresa se encontra inserida. 

Além de saber diferenciar esses conceitos e saber como calculá-los, é interessante também prestar atenção na concorrência. Acompanhá-la pode ser uma estratégia para definir preços competitivos, por exemplo, e isso vai também influenciar na margem de lucro e no seu índice de markup. Ainda, é possível identificar as melhores épocas para se fazer promoções para impulsionar ainda mais as vendas.

Gostou de saber mais sobre o conceito de margem de lucro e de markup? Agora você já consegue diferenciar os dois? Conta para gente aqui nos comentários o que você achou do nosso post de hoje e aproveite para compartilhar esse conteúdo com seus amigos em suas redes sociais!