fbpx
Grupo QG

BLOG

Sejam bem vindos ao blog do Instituto Grupo QG, aqui
você fica sempre atualizado sobre nossas novidades.

Comprei uma franquia! E agora?


dúvidas de novos donos de franquia

As principais dúvidas de quem compra uma franquia

Quando se efetiva a compra de uma franquia, o empreendedor considera esta uma das decisões que vai transformar a sua realidade e se tornar um grande divisor de águas em sua vida, não só profissional, como também pessoal. Esta sensação é ainda mais forte quando este processo acontece pela primeira vez em sua carreira. 

Isso porque, no mesmo instante em que ele é tomado pela grande euforia de estar diante da oportunidade de começar o seu próprio negócio, tendo, finalmente, a liberdade financeira que tanto almeja, ele também se depara com a insegurança e o receio, vindo de questionamentos que todos os empreendedores em início de empresa se fazem: Será que vai dar certo? O que eu preciso fazer a partir de agora? Quais os próximos passos?

Trata-se de uma situação, que acontece com mais frequência do que imaginamos e que é considerada normal, já que o empreendedor está diante de algo completamente novo e de uma grande mudança em sua vida. Sendo assim, nada mais comum do que ser tomado por momentos de pura alegria e felicidade, e também de insegurança e receio. 

Mas para trazer um pouco mais de esclarecimento para este, que é um dos momentos mais importantes da vida de um novo empresário, vamos compartilhar ao longo deste texto informações úteis sobre o processo que se segue após a compra de uma franquia. Continue conosco e confira!

Comprei uma franquia – primeiros passos

Como dissemos, são diversas as dúvidas que surgem, tanto antes, quanto durante e até mesmo depois da assinatura do contrato de aquisição da franquia. Trata-se de um momento de intensa ansiedade, com o qual as redes franqueadoras precisam estar devidamente preparadas para lidar com seus novos franqueados, já que será de sua responsabilidade transmitir-lhes as informações e dar-lhes todo o suporte necessário, para que seja uma etapa de transição e de início tranquila.

Veja, a seguir, quais são os primeiros passos a serem dados a partir do momento que um empreendedor faz a aquisição de uma franquia. 

Ponto comercial

O primeiro passo a ser dado após a assinatura do contrato de aquisição da franquia, diz respeito à escolha do ponto comercial onde a empresa vai funcionar e se estabelecer. Nesta etapa, a grande dica é trabalhar em cima da elaboração de um checklist, inserindo pontos essenciais, como acessibilidade, segurança da região, comércio local, fluxo de pessoas, e por aí vai. 

Estes requisitos de análise, que vão merecer a sua plena atenção, vão variar de acordo com o segmento no qual você vai atuar, bem como com o público-alvo da franquia. Sendo assim, se for uma empresa do ramo de alimentação, educação, casa e construção, entre outras, é preciso verificar os itens, que serão capazes de atender às necessidades, tanto do modelo do negócio, quanto de cada uma destas áreas. 

A escolha do local onde a franquia vai funcionar é de extrema importância, para que se verifique se o ponto encontra-se em condições de receber as instalações, de acordo com o padrão estabelecido pela rede. Isso porque cada franqueadora possui uma cor, o seu projeto arquitetônico próprio, a sua identidade, que precisam ser devidamente seguidos por cada unidade, para que, dessa maneira, os clientes possam reconhecer a marca e seus padrões em qualquer lugar.

Treinamento online

Seguindo adiante, após a escolha do ponto comercial onde a franquia vai atuar, é chegado o momento do franqueado passar por um treinamento online com a rede franqueadora, para que ela possa lhe transmitir todas as orientações necessárias, no que diz respeito ao seu sistema de gestão, bem como recrutamento dos profissionais que serão escolhidos para trabalhar na unidade. 

Este processo é também importante, pois é essencial que o franqueado fique por dentro de todas as recomendações e padrões aplicados dentro da franquia, que garantem, de maneira prática e efetiva, a devida qualidade em seu atendimento. 

Treinamento presencial

Depois de receber tais orientações e estar com a sua equipe toda formada, vem a etapa do treinamento presencial, que garante que a unidade alcance a prosperidade que tanto almeja. 

O intuito do treinamento presencial, oferecido pela franqueadora e que ocorre com o empreendedor e seus profissionais, é o de capacitá-los e torná-los aptos a fazer a boa gestão da nova empresa que está se iniciando, garantido, com isso, que os produtos e os serviços sejam prestados com a qualidade e excelência já praticadas pela marca e reconhecidas por seus clientes em todos os locais em que tem uma unidade presente.

Além dos treinamentos oferecidos nesta direção, existem também aqueles voltados para a Gestão Administrativa, Gestão Comercial e também de Marketing. Ou seja, em nenhum momento o novo franqueado fica ou se sente desamparado, já que uma das principais características do modelo de franquias é o suporte que as franqueadores oferecem de perto a seus investidores. 

Quando falamos de perto, isso realmente acontece, pois neste treinamento presencial, inclusive, é apresentada a equipe que ficará responsável por acompanhar a nova unidade franqueada, não só neste momento anterior à inauguração, mas também após à efetiva abertura da empresa. 

É preciso esforço e dedicação

Conforme viemos explanando ao longo do texto, é papel da rede franqueadora oferecer o devido suporte ao novo franqueado, para que ele trabalhe dentro dos padrões estabelecidos pela marca, onde quer que monte a sua franquia. 

Mas mesmo contando com todo este suporte e orientação, algo que o empreendedor precisa ter após a compra da franquia é vontade, esforço e muita dedicação, para fazer com que a sua unidade traga os resultados esperados, não só por ele, mas também por toda a rede. 

É importante enfatizar e deixar isso claro, pois muitas pessoas acreditam que, por se tratar de um modelo de negócios formatado, o investidor logo terá o retorno que deseja e poderá usufruir dos lucros os mais breve possível, sem que haja a necessidade de se esforçar muito para isso. 

Acontece que este é um grande e profundo engano. Assim como em qualquer tipo de empresa, a pessoa que está a frente e é responsável por ela, precisa ter em mente que o que fará com que o negócio alcance o sucesso é a dedicação e do esforço empregado por ela em todos os processos relacionados à organização. 

Dessa maneira, no que diz respeito às franquias, esta realidade não é diferente. O franqueado vai precisar trabalhar muitas horas seguidas, principalmente depois que assinar o contrato de aquisição, uma vez que, como mostramos acima, ele precisará correr atrás de locais para montar a empresa, buscar profissionais capacitados para lhe ajudar, receber treinamento e estudar sobre o modelo de negócio no qual está embarcando, para que tenha os subsídios necessários para crescer e se tornar bem-sucedido. 

Caso o empreendedor que comprou uma franquia não desenvolva esta consciência, dificilmente ele terá o retorno que espera e correrá o sério risco de, em pouco tempo, fechar suas portas. 

Sendo assim, prepare-se para momentos de muito trabalho duro, após a aquisição da sua unidade, pois isso fará parte da sua nova vida de empresário mais do que você imagina.

O que você achou de saber um pouco mais sobre os caminhos e os passos a serem dados após a compra da sua franquia? Já conhecia alguma destas etapas? Sente-se um pouco mais seguro? Deixe nos comentários suas impressões sobre este tema, para que assim possamos continuar a nossa discussão e debate sobre o mesmo.